Prêmio Viva - Pela vida de todas as mulheres chega à 2ª edição

09/09/2019


Iniciativa da revista Marie Claire e do Instituto Avon vai premiar lideranças que promovem ações de mudança contra o feminicídio.

prêmio vivaA revista Marie Claire, da Editora Globo, e o Instituto Avon anunciam a segunda edição do Prêmio Viva – Pela vida de todas as mulheres para o dia 25 de novembro, na Sala São Paulo, na Capital paulista.

O melhor do marketing social está aqui.

Leia também: Avon aborda a violência doméstica em mídia OOH.

Em evento fechado para convidados, as marcas vão reconhecer e premiar lideranças que atuam para mudar a realidade em torno das diversas violências contra as mulheres e meninas.

“O Prêmio Viva surgiu a partir da iniciativa de duas marcas que têm o enfrentamento à violência contra a mulher como parte de seu DNA.”, destaca Laura Ancona Lopez, diretora de redação da Marie Claire.

“A ideia é dar visibilidade à causa por meio de iniciativas nas mais diversas áreas – de saúde à sociedade civil – com histórias inspiradoras que tiveram impacto positivo na sociedade. Na primeira edição, inclusive, ganharam prêmios honorários duas mulheres que são símbolo no enfrentamento à violência e referência mundial, como a farmacêutica Maria da Penha, e a cantora Elza Soares.”, completa Laura.

prêmio viva

Este ano serão oito categorias de premiação: Autonomia Econômica - reconhecendo mulheres que promovem empoderamento econômico como forma de emancipação feminina; Educação - mulheres, meninas e meninos que usam a educação como ferramenta para a construção de relacionamentos saudáveis entre meninas e meninos; Eles por Elas – consagrando os homens que lutam pelo fim das violências contra mulheres e meninas; Legislativo – deputadas e senadoras que implementaram as melhores leis de enfrentamento às violências; Saúde - médicas, enfermeiras, psicólogas e agentes da rede que trabalha no atendimento às vítimas; Segurança e Justiça - policiais, advogadas, juízas que buscam garantir os direitos das mulheres em situação de violência; Sociedade Civil - líderes de organizações da sociedade civil e coletivos que têm a missão de enfrentar a violência e Revendedoras Avon - mulheres empreendedoras que revendem Avon e que lutam para reduzir os índices. 

A escolha dos vencedores será feita por meio de um júri composto por nomes atuantes na causa e também por meio de votação popular, por intermédio do site, a partir de outubro.

“Ao reconhecermos a história de pessoas que fazem a diferença no enfrentamento da violência contra mulheres e meninas, sabemos que estamos no caminho certo porque jogamos luz sobre as práticas mais transformadoras.”, ressalta Daniela Grelin, diretora-executiva do Instituto Avon. O Instituto apoia e desenvolve iniciativas que tenham em sua essência superar e prevenir as violências contra as mulheres e meninas.

A premiação promete um roteiro cheio de apresentações e atrações musicais impactantes a fim de despertarem o público para a importância do tema.

Fonte: Redação.

TAGs: instituto-avon marie-claire prêmio-viva responsabilidade-social são-paulo